Grande Rio Fm

Cantora gospel é atingida durante tiroteio após sair da igreja, em Goiânia

Cantora gospel é atingida durante tiroteio após sair da igreja, em Goiânia

A cantora gospel Keyla Silva Marinho Costa foi ferida durante um tiroteio em uma feira, em Goiânia. Na ocasião, um jovem de 25 anos foi morto e a Polícia Civil investiga o crime.

O marido Max Costa contou que Keyla é missionária e cantora de uma igreja em Goiânia. Casados há 32 anos, eles sempre iam à feira aos domingos para comer pastel, depois de ir à igreja. 

O crime aconteceu no último domingo (7), no Setor Centro-Oeste. Ao G1, Max relatou: “Minha esposa estava no lugar errado e na hora errada. Ela foi comprar um pastel para minha sogra e, quando foi pagar, chegou um homem atirando em um jovem que estava atrás dela”.

A cantora, de 49 anos, continua internada em estado regular no Hospital Estadual de Urgências Governador Otávio Lage de Siqueira (Hugol), em Goiânia. 

Na última quinta-feira (11), o hospital informou que Keyla está internada na enfermaria em estado geral regular, consciente e respira espontaneamente.

No entanto, o marido da cantora disse que ela está com uma bala alojada no quadril: "É necessário tirar a bala para não infeccionar. Por conta da localização do projétil, estão estudando a melhor forma, porque a cirurgia pode ser até um pouco de risco".

Nos stories, Keyla compartilhou uma foto no hospital e informou que a cirurgia foi agendada para o dia 15 deste mês: “Peço oração a todos vocês”.

A filha Milena comentou: “Mãe, você é uma pessoa tão forte e eu sei que você vai sair dessa, e com certeza, você vai criar mais um testemunho e fortalecer a sua fé e a de outras pessoas”. 

E continuou: “Saiba que você é amada por muita gente que está orando por você e nunca vão te abandonar. Saiba que estou aqui para o que precisar. Te amo muitão”.

Mensagens de fé

Amigas e irmãs da igreja compartilharam fotos de Keyla no Instagram com mensagens de fé, declarando a restauração da cantora.

“Eu creio na oração e na sua cura, Deus está cuidando de você”, disse uma mulher.

E outra acrescentou: “Estamos em oração por você, creio que será um lindo testemunho para edificar vidas. Deus é contigo”.

“Você é uma mulher forte e abençoada por Deus, que Ele esteja com você usando as mãos dos médicos para trazer cura e restauração completa. Estamos todos em oração por sua rápida recuperação”, declarou uma cristã.

Investigação

Em um vídeo compartilhado nas redes sociais, é possível ver o momento em que pessoas que estavam na feira correm após ouvirem os disparos depois que o atirador chegar no local. 

De acordo com o G1, a Polícia Militar explicou que a cantora pode ter sido confundida com a namorada do jovem de 25 anos, que morreu. Ele usava tornozeleira eletrônica e possuía passagens por tráfico de drogas. 

Três pessoas foram levadas à delegacia como testemunhas, e conforme a Polícia Civil, a investigação será conduzida de forma sigilosa. 

Por isso, as autoridades não informaram se o atirador já foi preso, assim como não explicaram a motivação do crime e nem confirmaram se Keyla foi realmente confundida.

NOTÍCIAS MAIS LIDAS